Slow Food Brasil

Cadastre o seu e-mail e receba novidades:

» Para receber os textos do Slow Food Brasil por email, basta você cadastrar seu endereço:


Acompanhe também via: Slow Food Brasil via RSSSlow Food Brasil no TwitterSlow Food Brasil no Facebook

Jucaranacozinha.jpg

A palmeira juçara é conhecida por seu palmito, de amplo uso alimentar tradicional nas culturas da Mata Atlântica. O consumo e a extração ilegal, no entanto, exige o corte da árvore e causa grandes impactos socioambientais, políticos, econômicos, de saúde e de segurança públicas.
No intuito de difundir o uso sustentável desta planta, A Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, em parceria com Mesa III, Da Terra ao Prato, Slow Food São Paulo e Prazeres da Mesa, lança o concurso de culinária "O fruto da palmeira juçara na cozinha”.
Cozinheiros amadores e profissionais, ao lado de merendeiras e membros de comunidades tradicionais agora têm até o dia 5 de outubro para inscrever até duas receitas (uma doce e uma salgada), promovendo o uso do fruto da juçara, ressaltando suas características próprias.
Os finalistas serão divulgados em outubro e os quatro vencedores serão anunciados na Semana da Mesa SP, no dia 09/11.
Participe!
http://bit.ly/ConcursoJuçara
#juaçaranacozinha

Dona Dijé

Recebemos esta manhã a triste e inesperada notícia do falecimento de dona Dijé, Maria de Jesus Ferreira Bringelo, liderança do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu - MIQCB.

Mãe, avó, liderança comunitária, quebradeira de coco, artista, dona Dijé foi e continuará sendo um referencial para a luta das comunidades tradicionais e originárias, inspiração de vida para muitos que levam a vida no campo sob o olhar da agroecologia.

Levou a realidade e o exemplo das Quebradeiras de Coco Babaçu pelo mundo, com seus exemplos de luta, fala e cultura, compondo o grupo das Encantadeiras de Coco Babaçu.  Mostrou sua voz e força no Terra Madre Brasil 2007, em Brasília, e no Terra Madre 2008, em Turim. Nesse momento, o Slow Food Brasil e o Slow Food Internacional prestam condolências ao Quilombo Monte Alegre, em São Luís Gonzaga (MA), à Comunidade do Alimento Quebradeiras de Coco Babaçu da Comunidade Ludovico, Lago do Junco (MA), ao MIQCB, à ASSEMA (Associação em Áreas de Assentamentos do Estado do Maranhão) e à todas as Quebradeiras de Coco Babaçu e suas famílias.


Foto: Imburanatec

Jovens rurais dos estados de Sergipe, Bahia, Ceará, Paraíba e Piauí, beneficiários dos projetos FIDA, se reuniram no mês de julho para o Primeiro Intercâmbio em Ecogastronomia segundo a metodologia Slow Food. O Território do Baixo São Francisco, com uma rica diversidade sociocultural, que agrega agricultores familiares, assentamentos de Reforma Agrária, comunidades quilombolas, pescadores artesanais e concentra 28% das populações tradicionais do estado, acolheu os 30 jovens durante quatro dias de atividades.

Aconteceu, de 16 a 19 de agosto, a II Festa  Nacional do Baru - FENABARU - em Arinos, Minas Gerais.

Demorei um pouco para escrever esse post. Talvez pq escrevê-lo significaria que essa experiência tão maravilhosa de 10 intensos dias havia chegado ao fim. Essa foi a minha segunda imersão no #Xingu com o Povo #Kisêdjê. E posso dizer que foi amor a segunda vista. Da 1ª vez, eu estava ainda muito presa à minha realidade, ao meu olhar e as minhas convicções. Mas dessa vez foi diferente. Dessa vez eu estava ali. 100%.

Conheça mais sobre Slow Food InternacionalFundação Slow Food para BiodiversidadeTerra MadreUniversidade das Ciências Gastronômicas

» SLOW FOOD BRASIL | Login »»

© 2013 Slow Food Brasil. Todos os direitos reservados aos autores das fotos e textos.
Não é permitido reproduzir o conteúdo deste site sem citar a fonte, link e o autor.
Design e desenvolvimento: DoDesign-s