Slow Food Brasil

Cadastre o seu e-mail e receba novidades:

A divulgação das receitas do Desafio Slow Fish faz deste um excelente momento para refletirmos sobre o panorama  da pesca no Brasil. Através de receitas tradicionais e gosto popular podemos perceber  a preferência do  consumidor ou melhor, a demanda no mercado por determinados pescados[1].

Em vista deste fato percebemos que os pescados mais apreciados são os que na maioria das vezes se encontram em estado de sobrepesca ou em vias de extinção. Entretanto, segundo profº Agnaldo[2], inexiste no país controle  e manejo efetivo da pesca, salvo poucas espécies ditas tradicionais.  Diante disto, merece imediata atenção produzir e divulgar  informações sobre as safras dos pescados, com tabelas de defeso mais abrangentes das espécies e também sobre os peixes ameaçados de extinção.

 

As receitas enviadas para o Desafio Slow Fish, por serem extremamente variadas nas espécies de pescados,em sua maioria pratos tradicionais da gastronomia nacional, permitiram informar sobre a atual situação dos pescados no Brasil.  Muito embora tendo o nosso país grande quantidade de água e diversidade de fauna e flora, os estoques  naturais e selvagens de pescados são finitos e além do mais sofrem com poluição e descaso (Ver Site Slow Fish).

A Campanha Slow Fish visa informar e orientar o consumo de pescados, como também almeja valorizar o trabalho dos pescadores artesanais, de suma importância no país[3].  Estes se encontram no momento extremamente pressionados pela pesca industrial, pela especulação imobiliária e pelas dificuldades ambientais; além disso, também precisam de orientação para melhorar seus negócios e para prestar melhor serviço ao consumidor responsável.

Seguindo slogan do movimento Slow Food,  a campanha do Slow Fish atenta para o consumo: Bom, Limpo e Justo. Desta forma estaremos procurando ajudar ao pequeno produtor, no caso, pescadores artesanais, dedicados a pesca com o uso de embarcações de pequeno e médio porte, como também ao aquicultor, muitas vezes pequeno produtor, produtor familiar, este que produz dentro das normas ambientais,o cultivo limpo, em pequenas áreas, seja de mar, de lagos, oude rios.

Somos uma equipe que pesquisa sobre o tema e conta com colaboradores para manter este movimento vivo e em ação.  Produzindo e transmitindo informações atualizadas sobre o tema,  vamos ajudar a preservar espécies de pescados e por outro lado, salvaguardar a história e a cultura dos pescadores artesanais.

 


[1] Pescados:  Segundo  definição contida no regulamento da Inspeção  Industrial e Sanitária de Produtos de Origem Animal (RIISPOA), compreende os peixes,  crustáceos, moluscos e anfíbios,  quelônios e mamíferos de água doce e salgada usados na alimentação humana.  (BRASIL, 1984).

[2] www.doc.ufes.br/agnaldo/pesca/TEXTO-3.pdf  Acessado em 29/05/2013.

[3] Programa REVIZEE: Avaliação do Potencial Sustentável de Recursos Vivos da zona Econômica Exclusiva.   P.81, 82.

Conheça mais sobre Slow Food InternacionalFundação Slow Food para BiodiversidadeTerra MadreUniversidade das Ciências Gastronômicas

» SLOW FOOD BRASIL | Login »»

© 2013 Slow Food Brasil. Todos os direitos reservados aos autores das fotos e textos.
Não é permitido reproduzir o conteúdo deste site sem citar a fonte, link e o autor.
Design e desenvolvimento: DoDesign-s